Beijo Grego: Conheça e saiba como fazer

É muito comum a gente se relacionar através de beijos no dia-a-dia! Essa é uma forma comum de demonstramos nosso afeto e carinho! Existem diferentes tipos de beijo: na bochecha, selinho, beijos longos e demorados e também o beijo grego…

O que é e como fazer?

Aposto que você já ouviu falar sobre ele, o beijo grego é uma forma de estimulação anal, através de beijos, lambidas e carícias. Também conhecida como “cunete”, é uma prática muito prazerosa, mas também requer alguns cuidados.

O beijo grego pode ser feito independente do gênero e da orientação sexual. Mas alguns homens sentem mais resistência e preconceito com a estimulação anal. A verdade é que essa prática pode ser uma aliada no prazer e na descoberta de novas sensações!

Agora, se a parceria já gosta de estímulos anais, você pode ir além do beijo grego e introduzir um dedo ou estimular a região externa do ânus (lembre de usar muita lubrificação e de ter o consentimento da outra pessoa). Não economize na criatividade, este é o momento para explorar os sentidos através de cosméticos que vibram, géis térmicos (que esquentam ou esfriam) e até mesmo aqueles cosméticos com sabores!

Inclusive, existe um gel próprio para o beijo grego que tem esse nome! Ele foi desenvolvido para isso, o gel beijo grego da Intt esfria a região anal e pulsa! E uma dica: Você também pode assoprar para ter uma sensação ainda mais refrescante.

Como fazer clima para o beijo grego?

Algumas resistências podem acontecer algumas quando queremos inovar! E o Beijo Grego não é uma prática de preliminares, até porque esse conceito é muito diferente atualmente.

Uma boa maneira é falar sobre beijo grego na parceria e ver o que cada um acha sobre o assunto. Um banho pode ser uma forma de estimular a pele e começar a excitação. Além disso, se vocês estiverem afim da prática, começar com um dedo na parte externa do ânus acariciando, é uma boa forma de aumentar a excitação. E a massagem nas costas também pode ser uma boa prática para esses momentos!

O ânus é uma área altamente erotizável e com muitas terminações nervosas, por isso estimular essa região pode ser muito prazeroso para a maior parte das pessoas.

Mas é preciso tomar alguns cuidados quando se decide fazer. Sobre a higiene é importante saber que existem bactérias que transitam naquela região, por isso a limpar o ânus é muito importante. Além disso, essa pode ser uma via de transmissão de IST’s. Então, aproveite para ler esse texto sobre chuca que também fala sobre higiene anal.

O beijo grego é uma experiência diferente de muitas outras! É muito importante relaxar e estar aberta para novas experiências. O ânus ainda é um tabu para muitas pessoas, mas pode proporcionar sensações incríveis. Aproveite o momento para estar conectada com seu corpo e com as trocas desse momento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.